Bem Estar Reflexões

Você não precisa aprender aquilo que já sabe

Eu escolho se vou enxergar o copo vazio, ou se vou enxergá-lo quase cheio. E isso - exatamente isso - é o que muda tudo! :)

Escrevi esse texto escutando esta música. Dá play!

Eu já caí nos papos que nos vendem por aí, de coisas que podem mudar a nossa vida: “você atrai o que pensa”. Antes de você se enveredar por este caminho eu vou logo avisando que a minha vida continuou a mesma coisa (risos), depois de um longo curso que fiz. Não atraí meu Honda Fit (risos de novo). Não atraí quem eu queria atrair (e olha que meu pensamento é forte). Eu não acredito que você atrai o que pensa. Acredito nas escolhas que a gente faz. Não é sobre “atração”. Não é magia. É sobre uma estrutura de pensamento. No entanto, no meio de tanta coisa que já li, tem uma coisa que é verdade. Tudo o que acontece com você é um reflexo de como você se vê e de como enxerga a sua vida. As pessoas não vão te respeitar, se você não se respeitar. Elas não vão aprender a te amar, se você não se amar. O tipo de energia que você cria, de uma menina gente boa, de vibe boa, sincera, querida, easy going, vai atrair este tipo de vibração pra você. O contrário é verdadeiro: se você só reclamar, se só enxergar o lado ruim de todos e de tudo, você acaba atraindo este tipo de coisas pra sua vida, por escolha: porque de tudo o que passar por você (e todos), só vai conseguir enxergar o copo meio vazio, e não meio cheio.

Já parou pra pensar que o copo, na verdade, está na maioria das vezes meio cheio? Já parou pra pensar no que você já tem, e se pensar desta forma, perceber que você já é uma pessoa privilegiada? Estamos sempre com a mente focada no que nos falta, a gente não aprendeu a olhar primeiro o que a gente já tem. E desta forma nos darmos conta de que é possível que a gente não precise daquilo que tanto quer… querem um exemplo simples? Eu queria comprar um sofá novo pra minha casa, porque preciso de um sofá de 1,60m – e o meu tem 1,90m. Procurei, salvei os links, botei o valor do sofá novo na minha planilha financeira. E o meu sofá aqui atrás de mim o tempo todo. Um dia eu olhei pra ele e pensei: peraí, eu já tenho um sofá. Eu posso, em vez de comprar outro, reformar este que eu já tenho.

Talvez este texto esteja indo pra uma outra direção. O que eu realmente queria deixar registrado aqui para nossas leitoras, tem a ver com a percepção que a gente tem da gente mesma. Em algumas situações da nossa vida, vamos nos sentir incompletas, ou buscar apoio, buscar aprovação, comprometimento ou preenchimento em outras pessoas. E quando uma ou outra expectativa que tínhamos forem frustradas, nos sentiremos insuficientes. De tudo o que eu já li e de todas as experiências de frustração que eu já tive (sendo a mais recente ontem, dia 9 de Março) o que eu aprendi de fato foi que os controles estão todos dentro da minha cabeça. Eu decido se vou gostar de mim, ou se vou me auto depreciar. Decido se vou me perdoar e aprender com um erro, ou se vou ficar amargurada para o resto da vida. Eu decido se vou me tratar com carinho ou se não vou fazer isso. Eu escolho se não quero me envolver em relacionamentos tóxicos, ou se vou deixar sugadores de energia se aproximarem. Eu escolho o tipo de pessoa que quero ter perto. Eu sei quais são as minhas qualidades – e que elas não se resumem ao meu corpo ou ao que eu visto. Eu sei o que eu tenho dentro de mim que me faz ser única, e de que forma eu posso contribuir com o mundo, já que só eu possuo estas características. Eu escolho se vou enxergar o copo vazio, ou se vou enxergá-lo quase cheio. E isso – exatamente isso – é o que muda tudo! 🙂

Os outros não têm este controle, mulher! É você quem o possui! As coisas mudam quando a sua cabeça muda!!! Essa possibilidade de a gente ser o que deseja ser, de poder desejar evoluir e aprender, é uma característica inata ao ser humano. Você não precisa aprender aquilo que você já sabe. E, sabendo disso, a partir de agora ninguém vai conseguir te fazer acreditar que você não tem valor, porque você já sabe o valor que tem. ♥

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

<span>%d</span> blogueiros gostam disto: