Finanças

10 roubadas que vão te levar pro vermelho

Ainda não inventaram outras maneiras de se ganhar dinheiro do que estas duas, universais, limpas, básicas:

  1. Cortar custos
  2. Gerar renda

Um dos maiores empresários brasileiros, o Comandante Rolim Amaro (fundador da TAM Linhas Aéreas, hoje Latam), tinha como uma de suas filosofias de vida, o seguinte:

A melhor maneira de ganhar dinheiro, é parar de perder.

É uma pena que muitas vezes nós nos esquecemos de olhar nossas finanças com este olhar mais racional e menos emocional. Se você é mulher, as chances de você ser mais emocional do que racional na hora de cuidar das suas finanças são altas, embora isso seja relativo e não uma regra.

Não existem fórmulas mágicas na hora de pensar sobre dinheiro, apesar de existirem muitos gurus tentando te vender a ideia de que sim, existem milagres e fórmulas incríveis. Se pra você saber quais são, vai precisar se inscrever para assistir três vídeos gratuitos e depois deles fazer um mini-curso e parcelá-lo em 12x R$350,00 – você está entrando em sua primeira roubada.

Vamos dar uma pensada e relembrar o que realmente podemos fazer pra melhorar nossas contas?

Não planejar os gastos é o começo do apocalipse

A origem do inferno e do apocalipse financeiro se dá quando você começa a gastar sem critério, pura e simplesmente porque precisa entender quanto pode gastar. Por isso é importante colocar tudo na ponta do lápis e encaixar seu estilo de vida à quanto você pode bancar.

Se você via usar um aplicativo, uma agenda ou uma planilha, é escolha sua. O importante é que planeje seus gastos, pra saber a partir de onde estararia gastando mais do que cabe no seu orçamento.

O cartão de crédito é aquele charlatão

Que vai te dar a ilusão do poder de compra, quando na verdade seu poder de compra é limitado. O ideal seria utilizá-lo para emergências e pagar as coisas à vista. Exemplo: você não precisa pagar os eletrodomésticos da sua cozinha à vista, se tem um cartão de crédito. Mas cuidado para não confundir o limite do seu cartão com a sua renda mensal. Geralmente ele é o dobro, o triplo, da sua capacidade financeira (e é aí o endereço do colapso).

Empréstimos são como dormir com o seu gerente

A partir do momento que você precisa de um empréstimo, tem rabo preso com o banco – e você não quer isso. Então a melhor maneira de isso não acontecer, é manter suas contas em dia. Deixe para fazer empréstimos quando for muito muito necessário, tipo um crédito imobiliário, um crédito para abrir uma empresa, etc. Se o seu banco te liga para te oferecer uma linha de crédito, a notícia não é boa. Fuja.

Não pesquise preços ou peça descontos e passe raiva depois

A diferença entre preços pode ser grande, você pode economizar significativamente com preços menores para os mesmos produtos ou serviços – ou descontos (por pagamento à vista, por relacionamento, etc). Se você for do tipo que gosta de fazer as coisas certas e evitar a fadiga, saiba que neste momento tem alguém economizando uma graninha porque choramingou o preço ou porque pediu desconto. Seja esperta e faça a mesma coisa. Evite passar raiva porque viu a mesma coisa por um preço muito menor em outra loja ou outro fornecedor.

Se você gasta tudo o que ganha, não deveria conseguir dormir

Guarde dinheiro: R$20, R$100, R$500,00. Você nunca sabe o dia de amanhã.

Se você paga juros altos, você presta serviço pro banco

Juros são a maneira que os bancos têm de enriquecer às suas custas. Fuja de pagar juros. Pague suas contas em dia. Se tiver uma pendência financeira, considere pagar a que tem juros maiores (troque juros maiores, por juros menores). Se quitar uma dívida antecipadamente, peça desconto –  a amortização dos juros, já que você está pagando antes, não deverá pagar os juros do contrato.

O consumismo só é bom para a dona da loja onde você compra

Ela enriquece, você fica mais pobre e deixa de investir em algo que tenha mais valor ou que vá te gerar rendimentos. Pense muito bem antes de resistir à tentação do consumismo. Além de não ser bom pra você, também não é bom para o planeta.

Mantenha seu dinheiro ocupado (e no lugar certo)

Existem várias maneiras de fazer seu dinheiro render. Procure seu gerente pra saber a melhor delas, ou invista em um imóvel. Investir é uma maneira muito inteligente de aplicar o dinheiro a alguma coisa que valha a pena e não gastar com bobagens que não vão acrescentar nada – NADA – à sua vida.

Falta de autocontrole é um caminho sem volta

No livro ‘O Poder do Hábito’, o autor propõe que você se pergunte toda vez que desejar consumir alguma coisa: por quê eu quero consumir esta coisa? Identifique sua necessidade emocional (o gatilho) e substitua o final da história. Em vez de gastar dinheiro, invente alguma outra coisa que vá satisfazer sua necessidade/busca/etc sem que precise gastar dinheiro. Por exemplo: se você quer comprar um vestido elegante para se sentir mais admirada pelos colegas de trabalho, pode conseguir a mesma coisa expondo mais os seus talentos e fazendo as pessoas te conhecerem melhor.

Gastos sem necessidade

Chegamos à recomendação inicial deste post, lição muito bem dada pelo Comandante Rolim: pare de gastar dinheiro sem necessidade! Faça as contas de quanto seus custos fixos te custam ao ano. Você realmente precisa de três assinaturas de filmes por streaming? Você precisa de duas assinaturas de jornal? Você precisa levar o cachorro pro banho e tosa toda semana? Que tal dar o banho você mesma? Às vezes subestimamos o poder de se economizar cada centavo, mas eles fazem diferença em  nosso pé de meia.

Pra fechar, alguns canais bacanas para pesquisar mais sobre o assunto:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: